Início Destaques Mundo Sacerdote fala que metade dos padres chilenos são gays

Sacerdote fala que metade dos padres chilenos são gays

25
0
Há uma espécie de consenso entre os padres de que algumas formas de relacionamento são naturais. Foto: G1

O padre Héctor “Tito” Rivera, acusado de estuprar um fiel na Catedral de Santiago, afirmou, durante entrevista na noite desta quinta-feira (14), que “50% dos sacerdotes chilenos são gays”.

Em seu relato ele disse que “havia uma espécie de consenso entre os padres de que algumas formas de relacionamento são naturais, já que vivem em uma comunidade dos homens e têm uma espécie de desprezo pelas mulheres”.

Atualmente o padre está proibido de exercer qualquer atividade religiosa no ministério sacerdotal durante 14 anos. A sentença foi dada durante um julgamento em um processo canônico em 2018.

Ele foi acusado em 2015 de estuprar Daniel Rojas, um homem que havia ido até a igreja para pedir ajuda para compra remédios. O padre o levou para o segundo andar, o drogou e o estuprou. Mas o religioso nega.

Fonte: Terra

https://www.terra.com.br/noticias/mundo/sacerdote-diz-que-50-dos-padres-chilenos-sao-gays,1a84d835f708c79e039653db68306754l6yvb79b.html.16

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here