Início Destaques Japão 10 dias de feriado prolongado: Câmara dos Deputados aprova projeto de lei...

10 dias de feriado prolongado: Câmara dos Deputados aprova projeto de lei que cria feriado em torno da sucessão imperial

469
0
A Câmara dos Deputados aprova o feriado prolongado em comemoração a sucessão imperial. Foto: ミュゼマーケティング

A Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei na terça-feira para designar um período único de feriado nacional para comemorar a sucessão imperial do próximo ano, criando um bloco de 10 dias de férias para muitos a partir do final de abril.

Sob a legislação prevista, 01 de maio – quando o príncipe herdeiro Naruhito sobe ao trono – será designado como um feriado, mas espera-se que o período de férias de 10 dias comece em 27 de abril.

22 de outubro, o dia de Sokuirei Seiden no Gi – um evento importante para o novo imperador – também será um feriado, de acordo com o projeto.

A nação está se preparando para saudar a nova era que se segue à abdicação do imperador Akihito em 30 de abril, que se tornará o primeiro monarca vivo a deixar o trono em cerca de 200 anos. No passado, a sucessão imperial só ocorreu após a morte de um imperador.

O dia em que o príncipe herdeiro sobe ao trono coincide durante o período de férias do Golden Week do Japão, que é centrado em torno de quatro feriados nacionais. Em 2019, o período vai de 27 de abril, que cai no sábado, a 6 de maio, uma segunda-feira.

30 de abril, uma terça-feira e 2 de maio, uma quinta-feira, serão feriados de acordo com a lei japonesa existente, que estipula que qualquer dia da semana entre feriados nacionais automaticamente se tornará feriado nacional. Como resultado, os trabalhadores no Japão terão um período de férias de 10 dias a partir de 27 de abril.

Antes da aprovação do projeto pela Câmara dos Deputados, um painel da Câmara dos Deputados adotou uma resolução instando o governo a garantir que o dia a dia das pessoas não seria seriamente afetado devido a possíveis fechamentos de bancos, escritórios públicos e hospitais.

A Câmara dos Vereadores deve aprovar o projeto durante a extraordinária sessão, que acontece até segunda-feira.

O imperador de 84 anos de idade sinalizou seu desejo de se aposentar em uma mensagem de vídeo em agosto de 2016, citando preocupações sobre sua idade avançada e enfraquecimento da saúde que poderiam impedi-lo de cumprir suas funções.

Fonte: Mainichi Shimbun

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here