Neste último domingo, o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, fez um alerta sobre o confronto militar com o Irã e disse que a paz mundial está sendo afetada. O premiê japonês está de visita ao Oriente Médio na esperança que as tensões sejam aliviadas.  

A afirmação veio no início de uma turnê ao redor do Golfo, que durará cinco dias.  

Abe aproveitou o momento em que os temores de uma possível guerra mundial explodissem e decidiu continuar a sua turnê, seguindo para uma reunião de uma hora com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman, no noroeste da província de Al-Ula 

“Qualquer confronto militar na região que inclua um país como o Irã, terá um impacto não apenas na paz e estabilidade da região, como também na paz e estabilidade de todo o planeta”, disse Abe. 

O primeiro-ministro disse que os dois líderes concordaram em trabalhar para que a segurança marítima da região se mantivesse estável e discutiram sobre a decisão de Tokyo em enviar um destróier para atividades de inteligência, juntamente com duas aeronaves de patrulha P-3C para o Oriente médio. 

O Japão decidiu não se unir a uma coalizão liderada pelos EUA na região. 

A turnê do primeiro-ministro também incluirá visita aos Emirados Áraes Unidos e Omã. 

Leia também: Fábrica de destilados irá interromper produção de 3 uísques famosos

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here