Início Japão Cultura Assédio sexual em local de trabalho continua em alta no Japão

Assédio sexual em local de trabalho continua em alta no Japão

928
0
30% das mulheres em empregos de período integral e parcial no país reclamam de “serem assediadas sexualmente no trabalho. Foto: Twitter

O Departamento de Estado dos EUA, em um relatório anual de direitos humanos divulgado na quarta-feira (14), citou persistente assédio sexual no local de trabalho no Japão.

O relatório dos EUA citou uma pesquisa inédita realizada em 2016 pelo Ministério de Saúde, Trabalho e Bem-Estar do Japão, dizendo que 30% das mulheres em empregos de período integral e parcial no país reclamavam de “serem assediadas sexualmente no trabalho. A estatística apontou 35% entre os trabalhadores em tempo integral, acrescentou.

O relatório dos EUA também notou a renúncia de abril de 2018 do vice-ministro das finanças do Japão a alegações de que ele assediava sexualmente uma jornalista do sexo feminino.

Desde então, o governo japonês divulgou um conjunto de medidas preventivas, incluindo a exigência de que todos os funcionários do governo central realizem cursos de treinamento obrigatório, apontou o relatório.

Fonte: JIJI

https://www.japantimes.co.jp/news/2019/03/14/national/social-issues/u-s-report-cites-persistent-sexual-harassment-workplaces-japan/#.XIpuryhKjIU.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here