Seiya Taira, de 26 anos foi preso na semana passada após ter desovado o corpo mutilado de sua esposa no mar, perto de Hiratsuka, prefeitura de Kanagawa.

A polícia disse que Taira admitiu ter cortado as pernas de sua esposa de 26 anos, Fubuki, para que ele pudesse colocar seu corpo em uma mala.




 

Em seguida pegou a mala e foi de táxi para uma praia e jogou o corpo de Fubuki no mar por volta das 2h15 da última quinta-feira, relatou Sankei Shimbun. O corpo foi encontrado cerca de seis horas depois na praia por um atleta.

Taira entregou-se à polícia na noite de quarta-feira, dizendo que estava arrependido. Ele foi inicialmente acusado de desovar um corpo, mas a polícia disse na terça-feira que planeja acusá-lo de assassinato depois que uma autópsia revelou que Fubuki havia sido estrangulada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here