O número de mortos nos Estados Unidos causados pelas infecções desenvolvidas pelo novo coronavírus, aumentou para 11 só nesta última na quarta-feira, com o surgimento de novos casos pela cidade de Nova York e Los Angeles, enquanto as autoridades de saúde da área de Seattle desencorajavam as reuniões sociais em meio ao maior surto do país. 

A primeira morte na Califórnia pelo vírus, foi de uma pessoa idosa no condado de Placer, perto de Sacramento.  

A pessoa tinha problemas de saúde subjacentes e provavelmente foi exposta em uma viagem de navio de cruzeiro entre São Francisco e México no mês passado. 

Foi a primeira fatalidade de coronavírus nos Estados Unidos fora do estado de Washington, onde 10 pessoas morreram em um agrupamento de pelo menos 39 infecções que surgiram por meio da transmissão comunitária do vírus em dois municípios da região de Seattle. 

Horas após o anúncio da morte, o governador da Califórnia, Gavin Newsom, declarou estado de emergência para todo o estado. Segundo ele, o novo coronavírus trouxe 53 novos casos em todo o estado. 

“O estado da Califórnia está implantando todos os níveis do governo para ajudar a identificar os casos e retardar a disseminação desse coronavírus”, afirmou Newsom em comunicado. 

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here