Enquanto o resto do planeta tenta lidar com o surto do novo coronavírus, nomeado de COVID-19 pela Organização Mundial de Saúde, o Partido Comunista da China implementou o seu catálogo de propagandas para retratar o seu líder como uma pessoa firmemente responsável, liderando um exército de médicos que está à postos para entrar em guerra contra a doença. 

O principal noticiário noturno da TV estatal, retrata o presidente Xi Jinping e seus líderes, lidando com as instruções sobre o surto. A cobertura segue para os médicos e enfermeiros em linha de frente, simulando um exército pronto para defender e se sacrificar pela população.  

A medida foi tomada para que o país evite a culpa por qualquer manuseio inadequado do surto. Uma resposta para a frequente culpabilização que o planeta tem apontado para o país, desde que o primeiro caso surgiu. 

“As mensagens otimistas e emocionantes, deixam a impressão de que os cidadãos estão se sacrificando para triunfar sob a epidemia, à medida em que o vírus se espalha para além das fronteiras do país”, disse Ashley Esarey, especialista em meios de comunicação da Universidade de Alberta.  

Leia também:  Restrições de viagens causa cancelamentos em shows de K-pop no Japão 

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here