Fundada em 1946, na cidade de Tokyo, a Sony surgiu a partir da ideia de Masaru Ibuka e Akio Morita, de criar uma empresa de reparação e construção de equipamento eletrônico. Na época, investiram o equivalente a 190.000 ienes para criar uma empresa com apenas 20 funcionários.




 


Inspirada pela personalidade dos seus fundadores, a missão da Sony é “fazer coisas diferentes, de maneira inovadora e estar sempre um passo à frente dos outros” e essa missão contribuiu, de forma decisiva, para a evolução do mercado eletrônico mundial e não é à toa que a Sony é líder em vendas, qualidade e profissionalismo.

Masaru Ibuka e Akio Morita se conheceram em 1944, quando trabalharam juntos no Centro de Pesquisa Naval Japonês. Morita havia sido admitido como tenente da Marinha e Ibuka era engenheiro-chefe da Companhia de Instrumentos de Precisão do Japão.

A sociedade começou quando, em 7 de Maio de 1946, Akio decidiu abandonar a carreira militar e resolveu associar-se ao amigo, investindo o equivalente a 190.000 ienes para criar uma empresa.

Tokyo Tsushin Kogyo K.K. (Tokyo Telecommunications Engineering Corporation) ficava em um dos grandes armazéns bombardeados de Tóquio. Tinha apenas 20 empregados e reparava equipamentos elétricos, ao mesmo tempo, que a empresa tentava construir seus próprios produtos.

Contando apenas com a sua própria inteligência e conhecimentos de engenharia, Masaru Ibuka e Akio Morita preparavam-se para alcançar novos mercados.

A primeira aposta foi o lançamento de um inovador leitor de fita magnética, concebido para o mercado emergente do ensino da língua inglesa, que teve uma enorme aceitação junto às escolas e universidades locais.

Em 1950, a empresa lançou o “Soni-Tape”, primeiro cassete de gravação. Este evento foi rapidamente seguido pelo lançamento do primeiro gravador de cassetes magnético do Japão, o G-Type.

Em maio de 1954, a empresa lançou o primeiro transistor do Japão e o primeiro rádio transistor no ano seguinte sob a marca SONY.

Os pequenos e resistentes rádios portáteis da SONY rapidamente conquistaram os consumidores em todo o mundo e estabeleceram uma reputação de qualidade e de inovação para a marca.

Foram combinados dois conceitos para criar o nome “Sony”. Um foi a palavra do Latim “sonus”, que é a raiz de palavras como “som” e “sónico”. O outro foi “sonny boy”, uma expressão utilizada no Japão na altura para descrever um jovem com um espírito empreendedor.

Fonte: Mundo-Nipo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.