Início Japão Crime Desvendado o autor do assalto de 1 milhão de ienes

Desvendado o autor do assalto de 1 milhão de ienes

628
0
Kamikura e Nishitani foram protagonistas no assalto de um milhão de ienes. Foto: Gooブログ

Há aproximados oito anos aconteceu um roubo na casa do presidente de uma empresa da cidade de Kyoto, foram subtraídos inacreditáveis 10 milhões de ienes guardados na residência do empresário. Através de investigação policial foi possível prender o ex-secretário público parlamentar e sua parceira por suspeita de envolvimento no crime.

Foram presos Kamikura Suukei (44), sem residência fixa e Nishitani Mayumi (59), residente na cidade de Kyoto, subdistrito de Saikyou.

Conforme informação fornecida pela polícia, há oito anos atrás, os dois elementos invadiram a casa de dois andares do presidente disfarçados de entregadores de encomenda. Após ter acesso a parte interna da casa ameaçou a esposa da vítima de 52 anos com uma faca e amarrou suas mãos. Com as vítimas dominadas exaltou-se “aonde está a chave do cofre?”, subtraiu a quantia de 100 milhões de ienes.

Kamikura soube através de Nishitani, que o presidente da empresa possuía em sua residência uma grande quantia em dinheiro.

A polícia tornou pública a imagem gravada na entrada da casa. Nela ficou registrado o elemento na entrada da casa segurando uma caixa de papelão, fingindo ser um entregador. Usava uma blusa de cor verde, boné de beisebol e óculos escuros.

Há dois anos atrás, mês de maio, aconteceu um caso semelhante, que chamou a atenção da polícia. O caso ocorreu na província de Shimane, cidade de Izumo. O réu Kamikura invadiu a residência disfarçado de entregador de encomenda. Roubou e feriu o morador de 90 anos de idade. Na época Kamikura era secretário parlamentar, desligou-se logo em seguida. Kamikura foi preso e condenado a 5 anos de detenção.

Nesta época, Kamikura era secretário parlamentar de Ninoyu Yuho, tendo ingressado no gabinete no ano de 2004 como funcionário não efetivo. No mesmo ano, Ninoyu Yuho foi eleito e passou a ocupar a função de secretário.

Mesmo na época que ocorreu o caso não houve alteração de comportamento por parte de Kamikura. No ano de 2011, Kamikura desligou-se do trabalho, acreditava-se que o desligamento era devido a um motivo pessoal.

Ninoyu ficou abalado ao saber que um dos membros de seu gabinete estava envolvido num crime. De acordo com o parlamentar, Kamikura empenhou-se nos primeiros anos, passados anos tivemos informações que tinha costume de divertir-se em Kanrakugai da cidade de Kyoto. Achávamos esses gastos incompatíveis com o salário de secretário. Ninoyu disse “desconhecia sobre o incidente, mas sinto-me responsável, pois fui eu que o nomeei secretário.

Conforme comentário de funcionários do gabinete, Kamikura tem boa desenvoltura, possui alta capacidade intelectual, contraiu empréstimo em dinheiro com várias pessoas, o dinheiro era gasto no carro importado de sua propriedade. Não tinha comportamento violento, porém achava impossível um secretário conseguir manter tal nível de estilo de vida.

Fonte: NHK

https://www3.nhk.or.jp/lnews/kyoto/20181108/2010002201.html

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here