Início Japão Cotidiano Empresa que falsificou dados de equipamentos do terremoto registrou perda de 10...

Empresa que falsificou dados de equipamentos do terremoto registrou perda de 10 bilhões de ienes

432
0
KYB apresenta prejuízo após o escândalo de falcificação. Foto: Youtube

A KYB Corp., que falsificou os dados de inspeção de seus produtos anti-terremoto, deverá reportar um prejuízo líquido de cerca de 10 bilhões de ienes (US $ 88,3 milhões) para o período de abril a setembro, disseram fontes em 5 de novembro.

O principal fabricante de equipamentos hidráulicos foi obrigado a destinar cerca de 15 bilhões de ienes para produzir e instalar amortecedores de substituição.

A empresa sediada em Tóquio deve anunciar seus resultados financeiros intermediários na tarde de 6 de novembro.

Esta é a primeira vez em três anos que a KYB registra um prejuízo líquido no primeiro semestre.

A empresa também deve rever suas projeções de resultados para o ano comercial completo que termina em março de 2019.

Em suas previsões de ganhos divulgadas em agosto, a empresa projeta 6,9 bilhões de ienes em lucro líquido para o período de abril a setembro.

Mas foi descoberto em outubro que a KYB falsificou os dados de inspeção ao enviar seus amortecedores.

A KYB anunciou que irá substituir todo o equipamento anti-terremoto abaixo do padrão, um processo que levará cerca de dois anos.

A KYB e sua subsidiária, a Kayaba System Machinery Co., admitiram em 16 de outubro que falsificaram dados para equipamentos anti-terremoto em centenas de prédios em todo o Japão.

Mais tarde, a empresa de engenharia civil Kawakin Holdings Co. e sua subsidiária, Koyo Seiki Co., também admitiram falsificações semelhantes depois que o Ministério de Terras, Infra-estrutura, Transporte e Turismo ordenou que 90 fabricantes de equipamentos antialarque checassem a fabricação de dados.

Fonte:  Asahi Shimbun

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here