O ator Song Kang-ho, que interpreta o pai da família Kim, disse no domingo que espera que o filme ajude a melhorar os laços culturais entre o Japão e a Coréia, que está desgastado devido as disputas comerciais. 

Ele disse que estava feliz com a recepção calorosa que os fãs japoneses deram a “Parasite” e espera que as relações continuem melhorando. 

“Espero que possamos voltar ao início dos anos 2000 e ter interesse nos trabalhos um do outro”, disse Song a repórteres no Japan National Press Club. 

“O Japão e a Coréia são países próximos e podem se relacionar com as culturas um do outro.” 

Os cineastas japoneses prestigiaram o filme “Parasite” desde que estreou no país em 10 de janeiro e ficaram impressionados com cada detalhe pensado para a composição.  

O filme levou seu Oscar para o topo das bilheterias japonesas no fim de semana passado e agora se tornou o filme sul-coreano mais lucrativo no Japão de todos os tempos. 

Leia também:  Irã também é afetado e já marca 50 vítimas do COVID-19 

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here