Início Japão Cotidiano Filmar e lançar na rede social o local de trabalho tem levado...

Filmar e lançar na rede social o local de trabalho tem levado à punições

411
0
A Kura Corporation informou que vai proibir por completo o uso de smartphones em horário de trabalho. Foto: Twitter

Medidas para combater a publicação de vídeos indevidos em redes sociais estão sendo estudadas pelas grandes redes de lojas de conveniência e restaurantes do Japão.

Entre janeiro e fevereiro a prática de publicar vídeos entre os funcionários se tornou comum, principalmente no Instagram, vídeos de brincadeiras durante o expediente circulam na rede.

Muitas empresas foram atingidas, entre elas a Seven Eleven, Family Mart, Big Echo, Sukiya, entre outras. A imagem das marcas ficou bastante afetada e o valor de mercado de parte dessas empresas caiu após a divulgação dos vídeos.

A grande maioria dos autores dos vídeos foram despedidos do emprego, mas com a falta de mão-de-obra em muitos estabelecimentos comerciais e restaurantes, não é difícil para os jovens infratores serem contratados em outras empresas.

A Kura Corporation que administra a rede de sushi Kura Sushi, informou que vai proibir por completo o uso de smartphones em horário de trabalho, bem como, organizar reuniões regulares para discutir posturas de boa conduta no trabalho.

Também é possível que as empresas adotem mecanismos jurídicos para lidar com novos casos.

Fonte: IPC Digital

https://ipc.digital/empresas-japonesas-estudam-punicoes-mais-severas-para-funcionarios-que-publicarem-videos-indevidos-em-redes-sociais/.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here