Início Destaques Japão Governo japonês está atento à alfabetização de filhos de estrangeiros

Governo japonês está atento à alfabetização de filhos de estrangeiros

291
0
A medida vem no momento que antecede a abertura para mais trabalhadores estrangeiros. Foto: Twitter

O ministério da educação pediu segunda-feira (18) aos governos locais que promovam a matrícula escolar de estudantes estrangeiros.

A insistência chega em um momento antes da chegada de um grande número de trabalhadores estrangeiros depois que o novo sistema de vistos começa em abril.

O ministério atualmente não tem números das crianças estrangeiras com idade entre o ensino fundamental e o ensino médio que são registradas como residentes e ainda não estão matriculadas na escola. De acordo com o Mainichi Shimbun, existem mais de 16.000 crianças estrangeiras que não foram confirmadas como inscritas pelos municípios em que residem.

“Esperando um influxo de trabalhadores estrangeiros a partir de abril deste ano, o ministério considera que este é um bom momento para realizar pesquisas”, disse um porta-voz do ministério.

Uma investigação planejada será conduzida em todo o país pela primeira vez em abril, com a cooperação de cada município e dos novos escritórios de imigração. A investigação provavelmente envolveria contar quantas crianças estrangeiras estão inscritas versus quantas não são.

No Japão, os pais são obrigados por lei a enviar seus filhos para a escola durante os anos de ensino fundamental e médio, mas essa lei não é atualmente aplicável aos pais estrangeiros.

O objetivo da notificação era tornar o tratamento de estudantes estrangeiros mais coerente. Atualmente, os sistemas de apoio para estudantes estrangeiros variam amplamente em cada município.

Em Yokohama, por exemplo, onde se diz que mais de 1.600 alunos precisam de assistência em língua japonesa, as escolas com mais de cinco alunos com baixo nível de proficiência em japonês são obrigadas a frequentar uma aula de assistência linguística chamada “classe internacional” aonde alunos aprendem japonês, enquanto seus pares japoneses fazem aulas que exigem alta habilidade no japonês, como literatura e sociologia.


 Fonte: Japan Times

https://www.japantimes.co.jp/news/2019/03/18/national/education-ministry-urges-local-governments-promote-school-enrollment-foreign-students/#.xi-xtchkjiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here