A japonesa Honda Motor encerrará sua participação como fornecedora de motores no Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA no final da temporada de 2021 para se concentrar na tecnologia de emissão zero, informou nesta sexta-feira.

A decisão foi tomada no final de setembro e a empresa não pretende retornar à F1, disse o chefe executivo Takahiro Hachigo em uma coletiva de imprensa online.

“Isso não é resultado da pandemia do coronavírus, mas por causa do nosso objetivo de longo prazo sem carbono”, disse ele.

A Honda, que retornou à F-1 em 2015 em parceria com a equipe Red Bull Racing, em vez disso acelerará o desenvolvimento de tecnologias de emissão zero, como células de combustível e baterias.

“Entendemos como tem sido difícil para a Honda Motor Company chegar à decisão. Entendemos e respeitamos o raciocínio por trás disso”, disse o diretor da Red Bull Team, Christian Horner, em comunicado.

Portal Mundo-Nipo
Sucursal Japão Osaka
Harumi Matsunaga

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here