A tensão comercial entre os EUA e a China tem preocupado a economia japonesa, as vagas de empregos no setor secundário têm apresentado um grande encolhimento, e não há uma clara perspectiva do que acontecerá em 2019.




 

Por outro lado, indicadores apontam o crescimento da produção industrial no Japão pelo segundo mês consecutivo, isso traz uma esperança de recuperação da economia japonesa. 

Os indicadores animadores foram impactados pelo crescimento da produção de autos e de máquinas, compensando a queda na produção de outros produtos.

Industriais têm como expectativa o aumento de 1.2% em junho, 0.3% em julho. As exportações apontam para o sentido contrário, em maio foi constatado o sexto mês consecutivo de queda.

A diminuição do consumo externo tem como causa as tensões comerciais entre os EUA e a China. Acontece que muitas fábricas japonesas fornecem às indústrias chinesas, a queda nas exportações da China reflete diretamente à economia do Japão.

Fonte: NHK

One thought on “Indústria japonesa registra alta: A economia japonesa está reagindo?”
  1. O crescimento da produção de carros e máquinas de fabricar telas planas foram os únicos dados positivos, porque No geral a economia caiu pelo sexto mês seguido. A expectativa dos fabricantes é que entre junho e julho a produção caia 0,9% . Os preços aos consumidores subiu, a expectativa com a crise entre EUA x China é que a indústria de máquinas industriais tenha mais queda na produção e o desemprego e o número de desempregados por vaga oferecida continua estável em 1,5 vaga por candidato. Ou Seja isso justifica a redução da produção que todos estamos testemunhando. Hora de cortar a ostentação e poupar , o que vai reduzir mais um pouco o crescimento da economia japonesa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.