Na quarta-feira (25), enquanto Tóquio comemorava o início da contagem regressiva para os Jogos Olímpicos, um grupo de cerca de 100 manifestantes se reuniram para protestar contra os jogos. No grupo, havia pessoas de Paris e Los Angeles, locais que serão sede dos próximos jogos.

De acordo com os líderes do protesto, o dinheiro gasto na Olimpíada deveria ser melhor utilizado e grupos vulneráveis estão sendo prejudicados.

“Quero apelar fortemente para que a Olimpíada seja proibida não somente em Tóquio, mas em toda parte, e ela é desnecessária para os cidadãos globais”, disse um dos manifestantes, Toshio Miyaz.




“É importante para nós, que nos opomos à Olimpíada de 2024, vir aqui hoje para esta reunião internacional contra os Jogos Olímpicos. Queremos mostrar nossa solidariedade aos japoneses que são contra 2020 e aos nossos amigos de Los Angeles que são contra 2028”, declarou Danielle Simonnet, politica de Paris.

O orçamento divulgado apontaram o custo de 12,6 bilhões de ienes nas Olimpíadas de 2020.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.