Uma mulher detida, em uma audiência na quarta-feira (17), admitiu a acusação de negligência ao dirigir o automóvel do acidente que matou duas crianças em Otsu, província de Shiga, em maio. 

Esta foi sua primeira audiência realizada no Tribunal Distrital de Otsu. 




 

De acordo com a acusação, Fumiko Shintake, uma motorista de 52 anos, fez uma ultrapassagem sem checar os carros que se aproximavam e bateu em um carro que vinha em direção a ela. 

Como resultado, o carro atingiu um grupo de crianças do ensino fundamental e professores em uma calçada, deixando 14 feridas e 2 mortas. 

As informações sobre a motorista de 62 anos que dirigia o carro atingido foram encaminhadas ao Ministério Público do Distrito de Otsu, por suspeita de dirigir negligentemente, mas o caso contra ela foi retirado. 

Os promotores afirmaram que não era possível condena-la pelo crime, uma vez que ela estava dirigindo na velocidade legal. 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.