Mulher pulou um guarda-corpo para tirar uma selfie num zoológico no estado do Arizona, nos Estados Unidos, acabou atacada por uma onça no sábado (9). Ela se feriu, mas está fora de perigo.

Ao pular a barreira e se aproximar da jaula, o animal esticou a pata e a arranhou. O diretor do Wildlife World Zoo, Mickey Ollson, disse que “não há como evitar que as pessoas atravessem as barreiras”.

Ollson disse que o ocorrido foi resultado de “erro humano”, e que a onça não será sacrificada.

Fonte: BBC News

https://www.bbc.com/portuguese/internacional-47519020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.