O laudo pericial produzido pela Polícia Federal aponta que foi um curto-circuito causado pelo superaquecimento em um aparelho de ar-condicionado que causou o incêndio no Museu Nacional, no Rio, em setembro.

O fogo destruiu a maior parte do acervo de 12 mil itens. A investigação até o momento, descarta incêndio criminoso.

A expectativa é de que o relatório final seja entregue em até duas semanas. Além do laudo, o delegado responsável pela apuração levará em consideração outros tipos de provas colhidas.

Fonte: UOL

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2019/03/23/curto-em-ar-condicionado-causou-fogo-que-destruiu-museu-nacional-diz-pericia.htm.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.