Devido ao receio e pavor ao grande surto recentemente implodido na china, trabalhar em casa nunca foi tão comum, se tornando uma necessidade 

As fábricas, lojas, hotéis e restaurantes em todo o país têm comentado muito sobre o tráfego de pessoas pelas ruas, tornando a cidade em uma cidade fantasma. Enquanto isso, atrás das portas trancadas dos apartamentos e casas suburbanas, milhares de empresas estão começando a aderir um sistema operacional focado no mundo virtual. 

“É uma boa oportunidade para testarmos o trabalho em casa em grande escala”, disse Alvin Foo, diretor da Reprise Digital, uma agência de publicidade de Xangai com 400 pessoas que faz parte do Interpublic Group. “Obviamente, não é fácil para uma agência de publicidade criativa que faz muitas brainstorms pessoalmente”. 

Segundo as empresas que estão aderindo ao novo sistema, a comunicação ficará limitada a vídeos e telefonemas, o que, para algumas, não é um problema tão ruim. 

A tendência é que mais empresas se adaptem ao novo estilo de vida chinês.  

No momento, a maioria dos cidadãos ainda estão de férias devido ao Ano Novo Lunar, mas o esperado é que a situação se amplie ainda mais, inaugurando a maior experiência de homeoffice do mundo. 

Leia também: Novos passaportes japoneses com Ukiyo-e serão emitidos esse mês  

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here