Início Destaques Japão Parlamento discute a legalidade de membro feminino ascender ao trono imperial

Parlamento discute a legalidade de membro feminino ascender ao trono imperial

391
0
A Lei da Casa Imperial exige que as mulheres se casem fora da família imperial para abandonar seu status real. Foto: Straitstime

Yoshihide Suga, secretário-geral do gabinete, disse durante uma sessão do Parlamento na segunda-feira (18) que o governo estudará se permitirá que membros femininos permaneçam na família imperial mesmo quando se casarem com pessoas comuns.

O processo começará imediatamente após o príncipe herdeiro Naruhito suceder o imperador Akihito em 1 de maio, disse ele.

A Lei da Casa Imperial estipula que apenas os homens podem ascender ao trono e exige que as mulheres se casem fora da família imperial para abandonar seu status real.

O governo realizou discussões no passado sobre se um membro feminino pode ascender ao trono, mas o Partido Democrático Liberal, do primeiro-ministro Shinzo Abe, tem relutado em mudar a lei para permitir monarcas do sexo feminino.

Abe disse na sessão do parlamento, “porque esta é uma questão extremamente importante relacionada à fundação da nação, nós temos que dar uma consideração cuidadosa ao assunto.”

O imperador, que tem 85 anos, será o primeiro monarca vivo do Japão em cerca de dois séculos a abdicar. A data foi marcada para 30 de abril.

Uma lei única foi promulgada em junho de 2017, permitindo que ele passasse seu status para seu filho de 59 anos de idade depois que ele indicou seu desejo de deixar o cargo em uma mensagem de vídeo rara.

Embora o processo liderado pelo governo tenha parado de retomar um debate sobre a sucessão feminina, o parlamento adotou uma resolução não obrigatória solicitando que o governo considerasse como garantir a sucessão estável.

Atualmente, existem 18 membros da família imperial, 13 dos quais são mulheres.

Depois que o príncipe herdeiro ascender ao trono de crisântemo, haverá apenas três herdeiros do sexo masculino – o irmão mais novo do príncipe herdeiro, príncipe Akishino, 53, único neto do imperador, príncipe Hisahito, 12, e príncipe Hitachi, 83, o irmão mais novo do imperador.

Fonte: KYODO

https://www.japantimes.co.jp/news/2019/03/18/national/japan-start-discussions-soon-imperial-succession-system/#.XI-xoyhKjIU.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here