Após uma forte chuva, no dia 28 de junho parte das pedras que formam o forno a carvão Terayama foram enterradas. Os danos foram confirmados na segunda-feira (1) por um oficial de Kagoshima. 

O forno a carvão Terayama foi construído no final no Período Edo em 1858 por Shimazu Nariakira, um senhor do domínio de Satsuma, que pressionou pela modernização do Japão.




 

O forno de 2,5 metros feito com pedras grossas empilhadas foi registrado como Patrimônio Mundial da UNESCO em 2015, como um local da Revolução Industrial Meiji. 

A tempestade que vem atingindo o sul de Kyushu foi estendida para o dia 5 de julho. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.