O piloto de avião Victor Augusto Junqueira do Amaral, de 24 anos se apresentou espontaneamente a delegacia de Anápolis.

A Justiça determinou a prisão preventiva dele por descumprimento de medidas protetivas. Ele estava usando tornozeleira eletrônica e violou a regra de se manter longe da vítima por pelo menos 300 metros.




 

A agressão aconteceu no dia 14 de dezembro do ano passado, no apartamento em que Luciana mora, em Goiânia

Luciana contou ainda que o aparelho que ela tem para detectar a aproximação de Victor apitou várias vezes, o que mostraria que ele não estava passando pelo local ao acaso.

Na sentença que determina a prisão de Victor, consta que a Central de Monitoração Eletrônica comunicou à Justiça que em maio “o acusado cometeu doze violações de área de exclusão e duas violações de fim de bateria”.

Fonte: G1

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.