A polícia de Yokohama, prendeu um policial de 40 anos por suspeita de invasão, arrombamento e incêndio criminoso no apartamento de uma ex amante, o crime ocorreu em março deste ano. 

O polícial, Daisuke Inoue, foi preso nesta quinta-feira e admitiu as acusações.




De acordo com o relatório policial, Inoue entrou no complexo por volta da meia noite e ateou fogo em um saco de lixo, ninguém ficou ferido no incêndio. 

A mulher, que tem por volta de 30 anos, mantinha um relacionamento com Inoue, que foi casado durante os períodos de 2014-2018. No início de abril ela já havia contatado a polícia para informar que estava sendo perseguida por um ex namorado (Inoue). 

No meio de abril foi expedida uma ordem restritiva contra Inoue, para conter a perseguição contra a ex amante. Foi a partir da ordem de restrição que os policias chegaram até o suspeito, quando o policial foi questionado, ele admitiu o crime justificando que estava com raiva de sua ex amante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.