Se você também um funcionário que precisa vestir ternos todos os dias, talvez essa notícia seja um alívio para você. 

Se você já caminhou alguma vez por alguma estação ferroviária importante do Japão durante a hora do rush, provavelmente você já viu um mar de homens vestindo ternos azuis e amarelos por todos os lados. Isso porque esse é o traje padrão dos escritórios.  

No entanto, uma das maiores empresas de telecomunicações do país, a KDDI, decidiu que é hora de maneirar no seu código de vestimenta. 




 

Esta semana, a KDDI, que também administra a rede de telefonia móvel AU, anunciou que abandonou seu requisito de obrigar o uso de terno e gravatas em toda a empresa. 

Nos últimos anos, vários escritórios japoneses tem experimentado os chamados “negócios legais”, onde os funcionários vão vestidos como se sentirem confortáveis durante o verão, afim de reduzir a eletricidade usada no ar-condicionado.  

Porém, no caso, a principal motivação da mudança da KDDI não é ecológica, mas psicológica. 

“Para não ficarmos presos aos estereótipos convencionais e promover um estilo de trabalho de novas ideias e valores, estamos abolindo o código de vestuário para gravatas em toda a empresa” 

O código de vestimenta entrou em vigor em outubro, mas a KDDI tem outra mudança planejada para a próxima primavera. Em abril de 2020, 106 de seus escritórios passarão para instalações completamente livres de cigarro!

Não é o máximo? 

Agora só falta abolir o salto para as mulheres e podemos concordar que a KDDI é, definitivamente, a melhor empresa para trabalhar. 

Mundo-Nipo: O principal portal de notícias do Japão  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here