Um teste em larga escala para reduzir o tráfego de veículos e pessoas durantes os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tokyo em 2020, começará na próxima segunda-feira (22). 

O teste envolverá o deslocamento e teletrabalho escalonados pelo governo central e metropolitano de Tóquio. Empresas privadas estão sendo convidadas a participar também. Além disso, o controle de tráfego será introduzido em várias estradas, incluindo a Metropolitan Expressway. 




 

Cerca de 8 milhões de pessoas devem viajar diariamente pela área metropolitana de Tóquio, e espera-se que os eventos tragam mais de 650 mil espectadores e turistas para a região entre os dias 24 de julho a 9 de agosto, seguido pelo evento Paraolímpico de 25 de agosto a 6 de setembro. 

Durante as Olimpíadas e Paraolimpíadas, espera-se o dobro do tráfego na via expressa durante o evento, estimativa que criará um desafio para as autoridades, a fim de apoiar o transporte suave de pessoas relacionadas às Olimpíadas e Paraolimpíadas, sem prejudicar a atividade econômica normal.

O comitê organizador dos jogos de Tokyo pretende reduzir o tráfego durante os eventos em 10% nas estradas locais e até 30% nas vias expressas. 

Em algumas vias expressas como a via expressa metropolitana, quatro faixas, incluindo as próximas à vila do atleta, serão desativadas entre os dias 24 e 26 de julho. 

Em outros locais o número de faixas também será reduzido.  

As autoridades pretendem revisar os resultados para considerar se medidas adicionais serão necessárias. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.