Início Mundo Crime Zeladora de escola pública prostituia alunas durante horário de aula

Zeladora de escola pública prostituia alunas durante horário de aula

512
1
A zeladora poderá receber pena de até 10 anos sob a acusação de tráfico humano. Fonte: Farid Dms Debah
A zeladora poderá receber uma sentença de até dez anos por tráfico humano.

Uma zeladora de uma escola pública no bairro popular Hay El Hassani, na cidade de Casablanca, Marrocos, foi acusada de prostituir sete adolescentes de 17 anos durante o horário das aulas. A zeladora não tinha um contrato regulamentado e será julgada pelo tribunal de Casablanca.

As vítimas, que estudavam no Instituto Tareq ibn Zyad, disseram que a funcionária cobria as faltas durante o horário de aulas para que as jovens fossem a festas com homens adultos. Nessas festas, elas mantinham relações sexuais e consumiam álcool. Segundo as vítimas, essas “atividades” duraram um ano inteiro.

A zeladora, cujo nome e idade não foram relevados, poderá receber uma condenação de até dez anos pelo crime de tráfico humano, tratando-se de uma pessoa adulta exercendo “poder” sobre menores de idade, segundo a ONG “Touche pas à enfant”.

Fonte: UOL

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2018/11/01/zeladora-de-colegio-marroquino-recrutava-alunas-para-prostitui-las.htm.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here