Eu pensei que só tinha visto isso em filme.

O incidente ocorreu em um restaurante que serve Yakitori (espetinhos de frango grelhado), na cidade de Tosu, na província de Saga. 




 

O suspeito, Hijiri Sato, de 22 anos, entrou no restaurante portando uma faca, enquanto a equipe fechava o estabelecimento à noite.

Ele ordenou que a equipe entregasse todo o dinheiro do caixa.

No entanto, não é difícil reconhecer há quilômetros de distância, daquele que ordena inúmeras e rígidas vezes a mesma coisa todas as noites. A equipe reconheceu facilmente o seu gerente e prontamente perguntou: “Você é o Sr. Sato?’

 

Depois de identificado, o rapaz removeu o capuz e disse: “cuidado com os roubos”, como se ele estivesse apenas fazendo um exercício de treinamento.

Neste ponto, você pode estar pensando que há um toque de genialidade na estupidez das ações desse homem. Afinal, não havia como a equipe ter certeza de que o que acabara de acontecer com eles, então não tiveram a ação de chamar a polícia.

O problema é que Sato não terminou.

Se acordo com o Saga Shimbum, no dia seguinte o mesmo gerente chamou a policia e informou que “duas pessoas roubaram 300mil ienes do restaurante”

A eficiência da polícia em suas investigações, descobriram através de evidências, que o restaurante tinha sido realmente assaltado, só que pelo próprio Sato. 

O homem foi preso.

Resultado de imagem para facepalm gif

FONTE: Soranews24

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.