Início Destaques Home Topo Negros são alvo de racismo na União Europeia

Negros são alvo de racismo na União Europeia

373
0
Negros são alvos de discriminação na União europeia. Foto: Wort lu
60% das pessoas que sofreram discriminação racial não reportou à polícia por achar que nada seria feito a respeito.

Nesta sexta-feira (28), a União Europeia (UE) divulgou um relatório que demonstra o racismo que os negros enfrentam na região que vivem. Durante entrevistas feitas para o a composição do relatório, foram analisados à discriminação que geraram violência física, a relação com a polícia, emprego, moradia e educação. Um terço sofreu racismo nos últimos cinco anos.

5% dos entrevistados já sofreram violência física, sendo 10%, de policiais. Em relação à abordagem policial, 41% acreditam que houve motivação racial para isso. “A perfilagem discriminatória pela polícia é uma realidade comum”, menciona o relatório.

Um quarto dos entrevistados afirmou ter sofrido um tratamento injusto nas áreas de emprego, educação e moradia, em que 14% relataram não conseguir alugar um imóvel.

“Um padrão particularmente inquietante é que indivíduos mais jovens tendem a experimentar mais discriminação e exclusão do que indivíduos mais velhos. Isso torna ainda mais urgente a necessidade de esforços intensificados para promover a plena inclusão de pessoas de ascendência africana na UE”, disse o diretor da Agência dos Direitos Fundamentais da União Europeia.

Os países analisados no relatório foram Alemanha, Áustria, Dinamarca, Finlândia, França, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Malta, Portugal, Suécia e Reino Unido.

COMENTÁRIO: A inclusão de negros e minorias é um grande desafio que os governantes dos países que compõem a União europeia deverão enfrentar. Apesar que esta realidade não é diferente no Brasil, a discriminação velada acontece, diminuindo a chance de sucesso dos grupos minoritários.

A cerca de 25 anos atrás um amigo de origem baiana, residente em Ilhéus me falou um frase que guardo até os dias de hoje: “Se o outro lado da laranja está apodrecendo é preciso se atentar, que em breve o seu lado também irá perecer”.

O que este sábio rapaz quis dizer é que não adianta ignorar um problema que não é seu, que está distante de ti, uma hora será impactado por todos estes problemas.

Precisamos repensar o nosso comportamento como cidadão e sociedade, ser mais solidário e fraterno com os que precisam de ajuda.

Mundo-Nipo

Fonte: UOL

https://operamundi.uol.com.br/direitos-humanos/54118/negros-enfrentam-preconceito-e-exclusao-na-uniao-europeia-diz-estudo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here