Uma nova frente de pesquisas da medicina é o uso do faro dos cães para detectar doenças. Um novo estudo, apresentado na reunião anual da Sociedade Americana de Bioquímica e Biologia Molecular, mostrou que os cães podem usar seu olfato altamente evoluído para farejar o câncer em amostras de sangue, com quase 97% de precisão.

Os resultados podem levar a novos testes de detecção, mais baratos, precisos e não invasivos.

Os cientistas usaram uma forma de treinamento de reforço positivo para ensinar quatro cães da raça beagle a distinguir entre amostras de sangue normais e amostras positivas para câncer de pulmão. Três cães identificaram o câncer de pulmão corretamente em 97% das tentativas.

Fonte: G1

https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2019/04/08/estudo-mostra-que-caes-podem-farejar-cancer-em-amostras-de-sangue.ghtml.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.