Início Mundo Gerou revolta a revogação da proibição que impedia mulheres a frequentar o...

Gerou revolta a revogação da proibição que impedia mulheres a frequentar o templo hindu

1417
0
Houve conflito entre a polícia e indianos que protestavam em um templo hindu em Kerala.

Enfrentamentos entre polícia e indianos marcou esta quarta-feira (17) em um grande templo hindu em Kerala, no sul da Índia. Os homens protestavam contra a abertura do templo para as mulheres, que na sociedade local conservadora e patriarcal, são consideradas sujas e impuras.

A revogação da proibição de mulheres de 10 a 50 anos de idade entrarem no templo hindu, aconteceu em setembro de 2018, na Suprema Corte da índia. O templo atrai anualmente milhões de peregrinos.

O templo é localizado no cume de uma colina, obrigando qualquer um que queira chegar ao templo caminhar horas a fio. Havia pretensão de reabertura do templo nesta quarta-feira pela primeira vez desde a sentença. Os manifestantes, que em sua maioria, eram homens, impediram que os jornalistas cobrissem o fato, deixando duas mulheres jornalistas feridas.

Um indiano de 30 anos, Biju S. Pillai, é contra a legislação e veio de Dubai, local onde trabalha para impedir que as mulheres entrassem, alegando que isso protegeria a santidade do templo. Ele disse que ninguém deve mudar o modo de funcionamento milenar do templo. “Se houver alguma mudança, eles terão que nos matar e passar por nossos corpos”, declara.

Os opositores que estavam bloqueando a passagem de ônibus peregrinos, com homens e mulheres, foram afastados pela polícia. O ato resultou em sete prisões. “Qualquer um que queira ir ao templo pode fazê-lo sem impedimentos” disse o chefe de polícia,  Manoj Abraham.

Fonte: Globo

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2018/10/17/protestos-contra-a-abertura-de-templo-a-mulheres-gera-confrontos-na-india.ghtml

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here