592 visualizações 51 segundo 0 Comentário

Japão pretende expandir as áreas cobertas pela declaração de emergência

- 16 de abril de 2020
pátio de lojas quase completamente fechado devido ao coronavírus

Na manhã desta quinta-feira, o governo do Japão anunciou que está considerando expandir a área coberta pela declaração de emergência declarada pelo primeiro-ministro Shinzo Abe, a fim de conter o surto de coronavírus.

A expansão deverá incluir as prefeituras de Hokkaido e Aichi e será discutida no final desta semana, por um painel do governo especialista em doenças transmissíveis. 

Na semana passada o premiê do Japão emitiu uma declaração de emergência para 7 prefeituras do país, incluindo Tokyo e Osaka, levando as autoridades a solicitarem o fechamento de estabelecimentos e pedir que os cidadãos evitem circular pelas ruas. 

As sete prefeituras já cobertas pela declaração também incluem Kanagawa, Chiba, Saitama, Hyogo e Fukuoka.

A medida dá poder aos governadores de sete regiões afetadas, que solicitem que as pessoas fiquem dentro de casa e as empresas possam ser fechadas. Entretanto, Abe disse que não aplicará penalidades para quem descumprir a regra. 

Entretanto, ao declarar emergência para as outras 7 prefeituras, ele pediu às pessoas que levassem a declaração a sério, dizendo aos cidadãos que “tudo dependerá de suas ações”. 

Leia também: Abe sofre pressão para amenizar o golpe econômico causado pelo covid-19 

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão