Início Japão Crime Médicos doparam paciente e a estupraram

Médicos doparam paciente e a estupraram

607
0
Em depoimento à polícia, Kaneko disse que o ato sexual aconteceu em comum acordo com a mulher. Foto: pan-pan.co

Foram presos dois médicos do Hospital Universitário Showa, em Tóquio na quarta-feira (27). O clínico geral Masataka Kaneko e o médico estagiário Hisaaki Obayashi foram autuados sob a acusação de doparem e estuprarem uma mulher.

Os médicos teriam ido a um karaokê com uma mulher no dia 18 de janeiro e teriam colocado discretamente um sonífero na bebida dela. Após perder a consciência, a vítima foi levada para o apartamento de Kaneko, onde sofreu abuso sexual caracterizado por estupro.

Assim que a mulher recuperou a consciência percebeu que foi violentada. Saiu da casa do médico e foi imediatamente para a delegacia. Exames indicaram que a vítima tinha realmente sido dopada por um medicamento encontrado somente em hospitais, aumentando as evidências contra os médicos.

Em depoimento à polícia, Kaneko disse que o ato sexual aconteceu em comum acordo com a mulher. Entretanto Obayashi admitiu o estupro. Porém ambos negaram ter colocado sonífero na bebida dela.

Fonte: Alternativa Online

http://www.alternativa.co.jp/Noticia/View/79580/Medicos-sao-presos-em-Toquio-por-suspeita-de-estuprar-mulher-apos-deixa-la-dopada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here