67 visualizações 3 min 0 Comentário

Toyota e Daihatsu: Estratégias de Recuperação Pós-Escândalo

- 15 de fevereiro de 2024

Desafios e Recuperação: O Caminho da Daihatsu Após o Escândalo
Acompanhe a trajetória da Daihatsu desde a descoberta do escândalo de certificação até os esforços atuais de compensação e reconstrução, marcando um novo capítulo de resiliência.

A Toyota Motor tomou uma decisão crucial ao nomear Masahiro Inoue, atual CEO da Toyota América Latina, para liderar a Daihatsu Motor no caminho da recuperação após um escândalo de certificação de veículos que abalou a empresa. A partir de 1º de março, Inoue assumirá o cargo, substituindo Soichiro Okudaira, conforme anunciado em um comunicado conjunto das empresas.

Este movimento vem como parte de uma estratégia mais ampla para revigorar a Daihatsu, incluindo a substituição de cargos de liderança chave e a transferência das operações internacionais da Daihatsu para a supervisão direta da Toyota. Koji Sato, CEO da Toyota, enfatizou a importância dessa reestruturação para o renascimento da Daihatsu como uma empresa líder no setor. A nova estrutura de liderança da Daihatsu será revelada em abril, prometendo um futuro promissor para a empresa.

A Daihatsu enfrentou tempos difíceis recentemente, com uma investigação interna seguida por uma invasão governamental que resultou na suspensão da produção e na revogação da certificação de vários modelos de veículos. A Daihatsu, fornecedora de carros e peças automotivas para marcas como Toyota, Mazda Motor e Subaru, tornou-se uma subsidiária integral da Toyota em 2016. A Toyota reafirmou seu compromisso em apoiar a Daihatsu em tempos de dificuldade, garantindo a compensação de clientes, fornecedores e parceiros de negócios.

Adicionalmente, a Daihatsu anunciou sua retirada da Commercial Japan Partnership Technologies (CJPT), uma aliança estratégica com a Toyota e a Suzuki Motor, marcando um ponto de virada em suas operações. No entanto, há sinais de recuperação, com a retomada da produção de 10 modelos programada para 26 de fevereiro, após a apresentação de um relatório com medidas corretivas ao Ministro dos Transportes, Tetsuo Saito.

Em um esforço para restaurar a confiança e a integridade, a Toyota e suas subsidiárias, incluindo a Toyota Industries, estão comprometidas em retornar ao básico e superar os desafios apresentados pelos recentes escândalos. A organização como um todo está focada em melhorar a transparência e a responsabilidade.

Apesar dos desafios, a Toyota tem motivos para otimismo, com um aumento na orientação anual para o ano fiscal que termina em março, impulsionado pelas vendas recordes e pela demanda crescente por carros híbridos globalmente. Este desenvolvimento sinaliza não apenas a resiliência da Toyota, mas também seu compromisso contínuo em liderar o mercado automobilístico com inovação e responsabilidade.

Comentários estão fechados.