80 visualizações 3 min 0 Comentário

União de Gigantes: Polygon Labs e StarkWare Lançam Circle STARK

- 23 de fevereiro de 2024

Inovação em Blockchain: A União Faz a Força. Polygon Labs e StarkWare juntam-se para criar o revolucionário Circle STARK

Em uma inovadora colaboração entre duas gigantes da tecnologia blockchain, a Polygon Labs e a StarkWare, foi anunciado em 22 de fevereiro o desenvolvimento bem-sucedido do “Circle STARK”, um avançado sistema de prova STARK. Este sistema, fruto da parceria entre as duas empresas, promete revolucionar o escalonamento de blockchain, tornando os rollups mais eficientes e permitindo que as transações sejam realizadas de maneira mais rápida e econômica em comparação com os sistemas STARK atuais. O “Circle STARK” integra o algoritmo de criptografia Plonky3, uma peça central no desenvolvimento do Polygon 2.0, destacando o papel da Polygon Labs como líder no avanço do blockchain Polygon e da StarkWare na evolução do Starknet, uma solução de camada 2 para Ethereum.

A cooperação entre Polygon Labs e StarkWare, duas empresas que competem no mesmo mercado, para criar o “Circle STARK” é um marco significativo, indicando um esforço colaborativo em prol do avanço tecnológico no setor de blockchain. STARK, que significa Scalable Transparent Argument of Knowledge, é uma tecnologia de prova de conhecimento zero (zkp) desenvolvida por Eli Ben Sasson, fundador da StarkWare. Este sistema de prova utiliza a tecnologia zkp para oferecer soluções escaláveis e seguras para o blockchain.

Além disso, os rollups, que são soluções de escalabilidade que aproveitam a segurança do blockchain subjacente enquanto minimizam os custos de gás (taxas de rede) e o congestionamento da rede, são uma aplicação chave dessa tecnologia. No último ano, a Polygon Labs revelou um novo roteiro para o Polygon, denominado “Polygon 2.0”, com a empresa atualmente focada no desenvolvimento dessa visão. Um dos objetivos principais do “Polygon 2.0” é alcançar uma conectividade blockchain sem falhas dentro do ecossistema Polygon, com anúncios importantes como o protocolo de agregação “AggLayer” em 25 de janeiro, visando a integração de redes blockchain, e o “Type 1 Prover” em 9 de fevereiro, um provador que gera provas zkp em blockchains compatíveis com EVM (Ethereum Virtual Machine).

Por fim, a Fundação Starknet, responsável pela Starknet, anunciou em 20 de fevereiro a venda do token “STRK”, que servirá para o pagamento de taxas de transação (taxas de gás), apostas no blockchain e participação na governança, marcando o evento com um lançamento aéreo. Este desenvolvimento sublinha a importância da inovação contínua e da colaboração entre líderes do setor para impulsionar o futuro da tecnologia blockchain, prometendo uma era de transações mais rápidas, seguras e acessíveis para usuários em todo o mundo.

Comentários estão fechados.