Início Mundo Cotidiano A destruição causada pelo furacão Michael foi muito forte, afirma presidente Donald...

A destruição causada pelo furacão Michael foi muito forte, afirma presidente Donald Trump

710
0
Foram registradas 18 mortes por causa do Furacão Michael

Nesta segunda-feira (15), o presidente Donald Trump viajou à Flórida acompanhado de Melania Trump e o governador da Flórida, Rick Scott para verificar o estrago do furacão Michael. Após se encontrar com os sobreviventes, o presidente afirmou que a alimentação e moradia são as prioridades neste momento.
Em sua primeira parada, em Lynn Haven, cidade no noroeste da Flórida, próxima à Panama City, Trump declarou que é algo duro de ver e uma devastação completa.
Após sobrevoarem a área mais atingida de helicóptero, Trump e sua esposa Melania entregaram garrafas de água em um centro de ajuda.
Até o momento, 18 mortes foram registradas em decorrência do furacão nos quatro estados. Na quarta-feira, atingiu a Língua de Terra da Flórida como uma das tempestades mais violentas a chegar ao local.

“Algumas dessas pessoas não têm nem vestígio de uma casa, então, o principal é alimentação, água e segurança”,

disse Trump referindo-se aos muitos que perderam a sua casa.

.

Ele disse que o maior objetivo do dia era “O maior objetivo do dia é fazer com que todos estejam seguros e que sejam alimentados”, completou.
Donald e Melania Trump tem a intenção de visitar a Geórgia, que também foi atingida pelo fenômeno, informou a Casa Branca.
Segundo avaliadora de riscos (AIR), as perdas de bens destruídos por Michael se estima em até 10 bilhões de dólares.
Quando chegou a Língua de Terra da Flórida, Michael estava com ventos de 250 km/h e categoria 4.
A Casa Branca afirmou que o presidente Trump está comprometido a ajudar agências estaduais e locais para a recuperação. Domingo foi decretado estado de emergência na Geórgia, liberando recursos federais para o estado.

Fonte: Reuters

https://br.reuters.com/article/worldNews/idBRKCN1MP2GN-OBRWD

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here