Início Mundo Meses de turbulência na França resultam em reforma no ministério

Meses de turbulência na França resultam em reforma no ministério

453
0
Emmanuel Macron fará a reforma ministerial na França - Foto: The Independent

Nesta terça-feira (16), o presidente da França Emmanuel Macron, reformulou o ministério. O líder do partido governista Christophe Castaner foi nomeado como ministro do Interior, e assim, manteve um equilíbrio entre a direita e esquerda,criou uma base ampla para a disputa eleitoral europeia de 2019.

Em um primeiro momento, Macron irá fortalecer o governo depois que uma série de renúncias o desestabilizou. O presidente também pretende renovar sua agenda de reformas sociais e econômicas, evitando assim, que a queda de popularidade permaneça.

A experiência do partido foi questionada depois de Macron adiar na semana passada a reformulação no ministério. Sua justificativa foi querer ter certeza de suas decisões, o que gerou mais questionamentos.

“Temos, ao mesmo tempo, nomes novos com reputação em suas áreas de especialidade, que fortalecerão a eficiência do governo, e outros que têm um perfil mais abrangente”, disse um assessor do presidente francês.

A reforma ministerial é estudada por Macron e o primeiro ministro Édouard Philipe desde que o ministro do interior Gérard Collomb renunciou ao cargo, há duas semanas atrás. Gérard era um dos primeiros apoiadores do presidente.

O Ministério da Agricultura foi assumido por Didier Guillaume, ex-liderança do Partido Socialista. A pasta da Cultura será chefiada por Franck Riester, parlamentar de um grupo que rompeu com o partido de centro-direita Republicanos.

Visto como arrogante e responsável pelas políticas que favorecem os mais ricos, a popularidade de Macron vem caindo com frustração de eleitores.

Fonte: Reuters

https://br.reuters.com/article/worldNews/idBRKCN1MQ1LF-OBRWD

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here