112 visualizações 2 min 0 Comentário

Governo russo declarou fim de papo sobre terras japonesas

- 19 de dezembro de 2023

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, declarou que todas as disputas territoriais entre Moscou e outros países, incluindo o Japão, estão “acabadas”.

Lavrov fez os comentários, que podem sugerir que Moscou nunca discutirá com Tóquio a questão da soberania sobre as ilhas controladas pela Rússia ao largo de Hokkaido, durante uma entrevista na segunda-feira à rede de televisão estatal Channel One.

A antiga União Soviética conquistou quatro ilhas após a rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial, e as disputas sobre a sua soberania impediram Tóquio e Moscou de assinarem um tratado de paz pós-guerra.

“Não temos quaisquer disputas territoriais com o lado da OTAN”, disse ele. Lavrov disse, referindo-se a uma observação recente do presidente Vladimir Putin de que a Rússia não reconhece questões territoriais com qualquer membro da OTAN.

Ele continuou: “De modo geral, não temos disputas territoriais com nenhum país, incluindo o Japão”.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia divulgou o vídeo da entrevista em seu site.

Em março de 2022, a Rússia disse que suspenderia as negociações com o Japão sobre questões relacionadas com a realização de um tratado de paz, incluindo a questão das ilhas Kunashiri, Etorofu e Shikotan, bem como do grupo de ilhotas Habomai, depois de Tóquio ter imposto sanções contra Moscou em resposta à sua invasão da Ucrânia.

Numa entrevista concedida pela agência de notícias Interfax no sábado, o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Andrey Rudenko, disse que era impossível negociar com o Japão sobre questões relacionadas à cooperação amistosa enquanto as sanções de Tóquio contra a Rússia permanecessem em vigor.

Portal Mundo-Nipo

Sucursal Japão – Tóquio

Jonathan Miyata

Comentários estão fechados.