Um veículo pegou fogo em frente a embaixada do Japão em Seul, capital da Coreia do Sul. O incidente ocorreu no começo da sexta-feira (19), resultando na morte de um homem de cerca de 70 anos.  

O homem foi levado ao hospital com diversas queimaduras graves, mas acabou não resistindo e morrendo no hospital.  




 

Acredita-se que ele tentou atear fogo em si mesmo como uma forma de protesto a recente tensão entre o Japão e a Coreia do Sul. Nos últimos dias, como uma forma de retaliação a recentes decisões da suprema corte da Coreia do Sul, que, em outubro do ano passado determinou que quatro coreanos forçados a trabalharem em uma usina siderúrgica japonesa durante a ocupação nipônica da península coreana deveriam ser indenizados, o Japão descontente com a decisão, passou a restringir a exportação de material tecnológico para a Coreia do sul, assim, afetando a distribuição de produtos de grandes empresas do ramo de eletrônicos como Samsung e LG. 

De acordo a imprensa local, o homem não deixou uma carta de suicídio, mas disse a um conhecido que começaria o fogo por causa da sua mágoa com o Japão. De acordo com um membro da família, o sogro do falecido foi ordenado a trabalhar no Japão durante a Segunda Guerra Mundial. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here