236 visualizações 3 min 0 Comentário

Muro bloqueia visão do Monte Fuji, saiba o que turistas estão fazendo para driblar o obstáculo

- 28 de maio de 2024

Turistas encontram maneiras criativas de contornar a barreira.

Para evitar problemas causados por turistas jogando lixo e invadindo propriedades para tirar fotos que parecem colocar o Monte Fuji no topo da loja Lawson, uma tela preta foi instalada em Yamanashi. Esta medida, no entanto, provocou reações diversas nas redes sociais.

A instalação da tela preta ocorreu após inúmeros incidentes de mau comportamento por parte dos turistas, como jogar lixo, invasão de propriedade e obstrução do trânsito. A tela, medindo 25 metros de largura e 2,5 metros de altura, foi colocada para bloquear a visão.

Apesar da tela, alguns turistas encontraram maneiras de capturar imagens, inclusive ficando nos ombros uns dos outros para tirar fotos por cima da barreira. Os moradores locais expressaram confusão e frustração com o esforço que alguns visitantes fazem para tirar uma foto.

O diretor da investigação, que tem formação diversificada, incluindo trabalho como bancário e é da província de Aichi, decidiu visitar a vila do Monte Fuji no início da manhã. Mesmo estando nublado, o diretor ainda estava fascinado pela beleza do Monte Fuji.

Ao chegar ao Lawson, observaram menos turistas do que o normal, possivelmente por causa da tela. No entanto, alguns turistas ainda tentavam tirar fotos da própria tela. Um motorista de táxi local observou que as condições do trânsito melhoraram desde a instalação da tela.

Curiosamente, os turistas começaram a visitar outro Lawson a cerca de 1 km de distância, onde ainda podem capturar a imagem icônica do Monte Fuji no topo da loja. Isso sugere que, embora a tela possa ter resolvido os problemas no local original, ela não resolveu totalmente o problema.

A administração local está agora considerando adicionar códigos QR à tela para direcionar os turistas a outros pontos turísticos da cidade. Eles também estão pensando em mudar a cor da tela, já que a cor preta foi percebida de forma negativa. O custo da tela, aproximadamente 1,3 milhão de ienes, foi coberto pela cidade.

Os moradores locais próximos à tela expressaram preocupação com a estética e a perturbação causada pelos turistas. A situação continua complexa, com discussões em curso sobre a melhor forma de gerir o turismo e preservar a vida local.

Logotipo Mundo-Nipo
Autor

Portal Mundo-Nipo
Sucursal Japão – Tóquio
contato@mundo-nipo.com.br

Comentários estão fechados.