88 visualizações 2 min 0 Comentário

Osaka Toma Medidas Firmes Contra Alimentação de Pombos e Corvos

- 24 de abril de 2024

A Decisão de Osaka: Parando a Alimentação de Pombos e Corvos. Entenda as razões por trás da nova ordem administrativa.

Osaka, a vibrante cidade japonesa, recentemente tomou uma decisão firme para abordar um problema urbano crescente: a alimentação de pombos e corvos. Esta prática, que se estende por mais de uma década em áreas que vão da estação JR Abikocho até a estação Osaka Metro Nagai, no distrito de Sumiyoshi, levou a um número crescente de reclamações dos cidadãos. Com cerca de 160 queixas registradas nos últimos três anos, os moradores expressaram preocupações significativas sobre os odores desagradáveis dos excrementos das aves e o ruído perturbador de seu canto.

Em resposta a essas preocupações, a cidade de Osaka inicialmente buscou solucionar o problema de forma amigável, aconselhando e recomendando que os habitantes cessassem a alimentação das aves, apoiando-se na Lei de Bem-Estar Animal. No entanto, diante da persistência dessa prática, as autoridades decidiram adotar medidas mais rigorosas.

No dia 17 de abril, uma ordem administrativa foi emitida, proibindo a alimentação dessas aves em áreas públicas. Esta ação representa um marco significativo, pois introduz penalidades severas sob a Lei de Bem-Estar Animal, com multas que podem chegar até 500.000 ienes para os infratores. Esta é a primeira vez no Japão que tais sanções são aplicadas especificamente para a alimentação de pombos e corvos, marcando um momento histórico na legislação de bem-estar animal do país.

Esta medida destaca o compromisso de Osaka em manter a harmonia e a limpeza em seus espaços públicos, ao mesmo tempo que ressalta a importância do bem-estar animal. A cidade espera que essa nova regra ajude a mitigar os problemas causados pela alimentação descontrolada de aves e promova uma coexistência mais saudável entre humanos e animais urbanos.

Logotipo Mundo-Nipo

Autor
Portal Mundo-Nipo
Sucursal Japão – Tóquio
contato@mundo-nipo.com.br

Comentários estão fechados.