A cidade de Hiroshima disse nesta quarta-feira (10), que pelo menos 95 países devem enviar seus embaixadores para uma cerimônia que acontecerá dia 6 de agosto, para marcar o aniversário do bombardeio atômico na cidade. 

As autoridades afirmaram que a Grã-Bretanha, França e Rússia, que possuem armas nucleares, enviarão representantes e Israel – que acredita-se ser uma potência nuclear- também demonstrou pretensões em participar.  




 

As autoridades também disseram que a Índia e a China não confirmaram presença e até agora não receberam resposta dos EUA e Coreia do Norte. 

A cerimônia deste ano deve começar às 8h da manhã de 6 de agosto, como de costume, no Parque Memorial da Paz.  

A lista de vítimas do atentado, incluindo dos que morreram no ano passado serão colocados em um cenotáfio (um monumento fúnebre). 

(FOTO|Kyodo 2018) 

 

Os participantes deverão fazer um minuto de silêncio às 8h15min – hora exata em que a bomba atômica foi lançada em 1945. 

O prefeito anunciou que fará uma declaração de paz e dois estudantes do ensino fundamental anunciarão o compromisso das crianças para que continuem promovendo-a.  

Um dos estudantes, Tadashiro Ishibashi, disse que expressará seu desejo pela paz, para que nunca mais as pessoas sejam mortas em números tão grandes. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.