O Sertão Alagoano tem vivido uma das piores secas da história, 38 municípios do estado estão em situação de emergência por causa da seca. A água salgada serve para saciar a sede dos animais, e a água da lavagem de roupas é reaproveitada para regar as plantações.

O consumo de água por pessoa nos povoados da região é de 14 litros, sendo que o recomendado pela Organização Mundial de Saúde é de 20 litros por pessoa. A pouca água que sobra é guardada para matar a sede em algum momento de necessidade, nada é desperdiçado.

A falta de água também afetou os agricultores, que perderam cerca de 70% das plantações entre janeiro e setembro.

Foto: Globo

https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2018/10/25/sertanejos-buscam-alternativas-para-sobreviver-a-seca-em-alagoas.ghtml

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.