136 visualizações 3 min 0 Comentário

Inspeção do Ministério de Terras, Infraestrutura, Transporte e Turismo na Yamaha Motor Co.

- 7 de junho de 2024

Detalhes da Inspeção na Yamaha: Documentos e Entrevistas Veja como foi conduzida a inspeção e o que foi encontrado.

O Ministério de Terras, Infraestrutura, Transporte e Turismo realizou uma inspeção in loco na sede da Yamaha Motor Co. em Iwata, província de Shizuoka, na quarta-feira, devido a pedidos falsificados de certificação de modelo.

Importância dos Certificados de Modelo

Os certificados de modelo são essenciais para a produção em massa de automóveis e motocicletas. Sem eles, as empresas não podem fabricar veículos em larga escala.

Inspeções e Sanções

A inspeção foi realizada sob a Lei de Veículos de Transporte Rodoviário, após a confirmação de que a Yamaha e outros quatro fabricantes de veículos – Toyota Motor Corp., Mazda Motor Corp., Honda Motor Co. – estavam envolvidos em irregularidades. A Yamaha é a segunda empresa a ser inspecionada, após a Toyota, que foi fiscalizada na terça-feira.

O ministério planeja realizar inspeções também na Mazda, Honda e Suzuki, e decidirá até o final de junho sobre possíveis sanções administrativas e seus detalhes.

Escala das Atividades Impróprias

A escala das atividades impróprias pode aumentar, já que 17 fabricantes de veículos e equipamentos, incluindo a Toyota, ainda estão conduzindo investigações internas.

Detalhes da Inspeção na Yamaha

Quatro funcionários do ministério entraram na sede da Yamaha por volta das 9h10 da quarta-feira. Eles inspecionaram documentos relevantes, procedimentos de teste e conduziram entrevistas com funcionários e executivos da empresa para investigar as irregularidades.

Declaração da Yamaha

“Levamos o assunto a sério e lamentamos profundamente nossa conduta”, disse um porta-voz da Yamaha. “Pedimos sinceras desculpas ao público por perder sua confiança.”

Irregularidades nos Testes

A Yamaha realizou testes de nível de ruído na motocicleta modelo YZF-R1 em condições de potência do motor diferentes das estipuladas na regulamentação. A empresa também falsificou os relatórios dos testes de pressão sonora das buzinas dos modelos YZF-R3 e TMAX. A produção de ambos os modelos já foi interrompida.

Produção e Conformidade

A Yamaha produziu um total combinado de cerca de 7.500 unidades dos três modelos. A empresa afirmou que testes adicionais confirmaram que os três modelos não apresentam problemas de condução. No entanto, o ministério realizará uma verificação independente para confirmar a conformidade dos modelos com as normas ambientais e de segurança e tornará públicos os resultados.

Logotipo Mundo-Nipo
Autor

**Portal Mundo-Nipo**
Sucursal Japão – Tóquio
contato@mundo-nipo.com.br

Comentários estão fechados.