A segunda maior cidade da Coreia do Sul, afirmou que suspenderá as trocas com o Japão e proibirá os funcionários de fazer visitas oficias ao país, até que as relações bilaterais melhorem, é o que informou a rede NHK. 

O anuncio foi pelo prefeito Busan, Oh Keo-don, que postou uma mensagem sua página do Facebook na terça-feira. 




O prefeito disse que irá rever as trocas com o Japão, e que também considera tomar medidas concretas em resposta à decisão de Tokyo de apertar o controle de exportação de alguns componentes de alta tecnologia para a Coreia do Sul. Os funcionários afirmaram que respeitarão as posições que as empresas e organizações tomaram em resposta às recentes tensões. As restrições de material tecnológico tem afetado e muito as gigantes coreanas LG e Samsung.

Veja também: Coréia do Sul não respeita acordo feito bilateralmente no passado

Mundo-Nipo: O principal portal de notícias do Japão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here