164 visualizações 4 min 0 Comentário

Alerta de Saúde, Kobayashi Pharmaceutical e o Risco dos Suplementos de Arroz Fermentado

- 29 de março de 2024

Investigação em Andamento: Os Riscos Ocultos nos Suplementos de Arroz Vermelho Fermentado.

A Kobayashi Pharmaceutical enfrenta uma crise de saúde pública após confirmar mais duas mortes ligadas ao consumo de seus suplementos dietéticos à base de arroz fermentado vermelho, conhecido como beni kōji. Este recente anúncio eleva o número total de mortes para quatro, além de mais de 90 hospitalizações, intensificando as preocupações sobre a segurança dos produtos da empresa. O Ministério da Saúde do Japão, após uma audiência com a empresa sediada em Osaka, destacou a gravidade da situação, suspeitando que uma substância tóxica, potencialmente semelhante a mofo, presente nos suplementos, seja a causa dos problemas de saúde reportados.

Os relatos de problemas de saúde estão concentrados nos suplementos fabricados a partir de setembro, com sintomas que incluem inchaço, fadiga e redução da função renal. A investigação sobre o beni kōji foi desencadeada por um alerta médico em janeiro, culminando em um recall voluntário de cinco produtos pela Kobayashi Pharmaceutical, incluindo cerca de 300.000 embalagens do suplemento Beni Koji Choleste Help.

A situação agravou-se quando o governo da cidade de Osaka emitiu uma ordem de recall para os suplementos afetados, acompanhada de uma ordem de descarte, evidenciando a urgência em proteger a saúde pública. A crise ganhou um rosto público na assembleia anual de acionistas da empresa, onde o presidente Akihiro Kobayashi pediu desculpas e comprometeu-se a investigar a causa dos problemas de saúde e a tomar medidas para prevenir futuros danos.

A reação dos acionistas foi de preocupação e exigência por respostas rápidas e transparentes sobre como a empresa pretende restaurar a confiança perdida. Essa crise levanta questões profundas sobre as práticas de gestão da Kobayashi Pharmaceutical e a eficácia dos seus controles de qualidade.

O primeiro-ministro Fumio Kishida também se pronunciou, destacando a necessidade de uma ação rápida para esclarecer a causa dos problemas de saúde e considerar todas as medidas necessárias para proteger os consumidores.

O beni kōji, apreciado por suas propriedades de redução do colesterol “LDL” ou “ruim”, enfrenta agora um escrutínio rigoroso. A descoberta de uma substância nociva em parte dos 6,9 toneladas de beni kōji vendidos em 2023 para uso em suplementos alimentares e outros produtos coloca em risco não apenas a saúde dos consumidores, mas também a reputação e a viabilidade financeira da Kobayashi Pharmaceutical.

A resposta da empresa a esta crise, incluindo o custo do recall voluntário estimado em ¥ 1,8 bilhão e a promessa de compensação aos parceiros de negócios afetados, será decisiva. Com o preço das ações da empresa já tendo caído cerca de 20%, a Kobayashi Pharmaceutical enfrenta um caminho desafiador para recuperar a confiança do público e estabilizar sua posição no mercado.

A empresa programou uma coletiva de imprensa para fornecer atualizações adicionais e detalhes sobre os esforços de compensação, um passo crucial para enfrentar a crise e iniciar o processo de reparação.

Portal Mundo-Nipo
Sucursal Japão – Tóquio
contato@mundo-nipo.com.br

Comentários estão fechados.