O site do governo de Tokyo, gerou polêmica após divulgar uma arte que tinha como objetivo o combate ao abuso infantil.

Porém a mensagem foi recebida de uma forma contrária, quando a legenda da imagem falhou ao passar uma legenda que ao invés de coibir o abuso infantil, promovia o ato.

A legenda exibida abaixo do mascote oficial da instituição, que compõe a mensagem sobre a luta contra abuso infantil do governo metropolitano, Osekkai Kun, na página inicial do site em japonês foi escrita com o intuito de se referir a “personagem de promoção da prevenção do abuso infantil”, mas em vez disso leu “personagem de promoção de abuso infantil” .




 

O erro foi apontado por um residente e fixo na terça-feira, dois meses após o texto errante ter sido colocado no site após o relançamento de 10 de abril. O trabalho no projeto foi terceirizado para um contratante externo, de acordo com os funcionários.

Antes de ser abordado, o erro causou fúria na internet, com pessoas fazendo comentários como “você não deveria estar promovendo abuso infantil” e “isso significa o oposto”.

“Este é um erro que não deveria ter acontecido, especialmente do ponto de vista de tentar evitar o abuso infantil”, disse um funcionário do Escritório de Assistência Social e Saúde Pública de Tóquio.

“Faremos todos os esforços para garantir que isso não aconteça novamente, à medida que continuamos a conscientizar e educar as pessoas sobre a prevenção do abuso”, disse a autoridade.

Fonte: KYODO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.