122 visualizações 3 min 0 Comentário

Bolos de Natal da Takashimaya chegaram deformados ao cliente

- 28 de dezembro de 2023

Centenas de clientes que encomendaram um bolo de Natal online na grande rede de lojas de departamentos Takashimaya ficaram muito decepcionados no dia de Natal quando descobriram que seus bolos estavam danificados.

Os caros bolos de ¥ 5.400 deveriam ser entregues congelados, mas muitos chegaram derretidos, tortos ou esfarelados. Dos 2.879 bolos vendidos, Takashimaya recebeu 1.207 reclamações até terça-feira de clientes insatisfeitos, dos quais 807 casos de danos foram confirmados.

Na quarta-feira, Takashimaya apresentou um pedido de desculpas, dizendo que assumia total responsabilidade pelos incidentes.

“O bolo de Natal é algo que as pessoas desfrutam com a família e amigos em uma ocasião especial que só acontece uma vez por ano”, disse Kazuhisa Yokoyama, chefe de vendas da Takashimaya. “Lamentamos muito não termos conseguido criar uma atmosfera onde todos pudessem desfrutar (do bolo) juntos e por termos decepcionado muitos.”

Embora a Takashimaya tenha conduzido uma revisão da cadeia de fornecimento do bolo – obtendo relatórios da Win’s Ark, a empresa que fez os bolos, e da Yamato Transport, que entregou o produto – não foi capaz de identificar o que causou especificamente os danos generalizados aos bolos.

Yokoyama disse que seria quase impossível identificar o motivo exato, já que não seria possível recriar o mesmo ambiente em que os bolos foram feitos e entregues.

Os bolos foram feitos sob supervisão de um restaurante francês em Yokohama. Quando os mesmos bolos de Natal foram vendidos e entregues em Takashimaya no ano passado, não houve relatos de danos significativos.

Uma diferença notável em relação ao ano passado é o atraso nas importações de morangos este ano, que fez com que os bolos fossem congelados apenas por 20 a 25 horas, em vez de duas semanas. Mas os pré-testes mostraram que a redução das horas não faria diferença e é improvável que seja a causa, disse Takashimaya.

A rede de lojas de departamentos está oferecendo reembolso ou um bolo alternativo para os clientes afetados.

“Dado este incidente, daqui em diante seremos mais aprofundados nas nossas discussões com várias empresas da nossa cadeia de abastecimento e aplicaremos um sistema onde verificaremos para garantir que os produtos estão a ser geridos de forma adequada”, disse Yokoyama.

Notícias sobre os bolos danificados se espalharam online, com usuários das redes sociais postando fotos da sobremesa deformada. Alguns disseram que isso os lembrou de um incidente semelhante em 2011, quando Takashimaya foi criticado por seu osechi – uma tradição culinária japonesa do Ano Novo.

Portal Mundo-Nipo

Sucursal Japão – Tóquio

Jonathan Miyata

Comentários estão fechados.