As gigantes proprietárias do portal Yahoo Japão e do aplicativo de mensagens Line, realizaram um acordo de fusão entre as duas empresas. As vendas conjuntas das duas após o acordo de fusão deve ultrapassar as da principal rival, Rakuten, transformando-se em uma nova empresa provedora de serviços online no Japão. 

As matrizes, a japonesa Softbank e a sul-coreana, Naver, já vinham negociando sobre a possível fusão.  

Agora o objetivo é formar um empreendimento com divisão igualitária para controlar a Z holdings, que subsidiará a Yahoo Japão e a Line 




Até outubro do ano que vem a fusão deverá ser completada, após uma série de procedimentos.  

O atual CEO da Z Holdings, Kentaro Kawabe, deverá ocupar também o cargo de co-CEO ao lado de Takeshi Idezawa, do Line. Os representantes das suas empresas disseram que estão buscando unir as lideranças para integrar as duas firas com a grande base de clientes que o Japão oferece. 

Cerca de 82 milhões de pessoas no Japão utilizam o serviço da Line para realizar trocar de mensagens on-line, enquanto cerca de 50 milhões utilizam a ferramenta de buscas e o serviço de notícias do Yahoo Japão.  

A fusão entre as duas empresas deverá ser capaz de proporcionar uma grande variedade de serviços ligados à internet, como redes sociais, e-commerce e serviços financeiros.  

Leia também:  Tepco suspenderá obras em reatores nucleares nas Olimpíadas de 2020

Mundo-nipo: O principal portal de notícias do Japão 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here